De uma Belém a outra 2020

"De uma Belém a outra" é sobre minha experiência de quando saí de Belém do Pará, no Brasil, para ir a Belém de Lisboa, em Portugal. Este processo é marcado pelos atravessamentos que meu corpo sentiu e ouviu. Desse modo, aborda aspectos da relação histórica e desdobramentos atuais entre os dois países, assim como reflexões sobre monumentos públicos que homenageiam figuras colonialistas.

Compra-se ventiladores com gambiarras e suas histórias 2021

Após consertar meu ventilador com gambiarras, fui a procura de outras histórias como a minha. Os ventiladores-gambiarras apresentam uma metáfora sobre as estratégias de manutenção de algo feito à base de improviso para garantir a permanência sem ter grandes investimentos. É um reflexo de um vento que assopra as adversidades econômicas e sociais que partem da precariedade para solucionar uma necessidade especifica.

Vir a ser 2019

Desde a chegada dos portugueses, um doloroso processo de nova formação da sociedade foi estabelecido no Brasil. Dessa forma, o multiculturalismo presente no país tem raízes no sofrimento de nossos antepassados. É nesse cenário que o processo de miscigenação é mostrado como mais uma das desumanas situações impostas aos africanos e indígenas escravizados. Tal processo hierárquico entre as raças estabeleceu um sistema complexo que ainda hoje é muito forte. É nesse contexto que a série Vir a ser apresenta recortes da formação social brasileira no que envolve miscigenação, identidades e fragmentação. Utilizo como suporte o papel kraft, também chamado de papel pardo, para suscitar tais questões que envolvem a complexidade do termo pardo, bem como o uso do autorretrato por me ver desde a infância nesses conflitos identitários.

​Técnica:
– Fotografia sobre papel pardo (kraft)
– A série é composta por 6 imagens em tamanho A4 (21 x 29,7 cm), cada uma em moldura separada.

Note: The text above was written by the Artist. No modification was made by COCA.

Mauricio Igor Almeida

Brazil

https://www.mauricioigor.com/

Artista visual e arte educador licenciado em Artes Visuais pela Universidade Federal do Pará, também realizou intercâmbio na Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto, em Portugal, como bolsista do Programa Santander Universidades Bolsas Ibero-Americanas.
Natural de Belém-Brasil. Seu trabalho é focado em reflexões sobre o corpo não hegemônico, atravessando questões de identidades em temas como miscigenação, gênero, sexualidade e o cotidiano amazônico, por vezes utilizando de autobiografias. Tais processos se desdobram em fotografias, performances, vídeos, textos e instalações. ​Por meio destes, recebeu premiações e participou de exposições coletivas no Brasil e em alguns países da Europa.

Share this Artist